Frieze Sculpture 2018 anuncia artistas para mostra de três meses - Galeria22
A Galeria 22 está no mercado há mais de 20 anos e procura levar aos seus clientes o que há de melhor na arte brasileira, sempre com o objetivo de valorizar o investimento de quem se interessa por esse mercado.
galeria, obra de arte, escultura, pintura, gravura, desenho, artistas brasileiros, exposições
21893
post-template-default,single,single-post,postid-21893,single-format-standard,woocommerce-no-js,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1200,hide_top_bar_on_mobile_header,columns-4,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-5.5.4,vc_responsive

Frieze Sculpture 2018 anuncia artistas para mostra de três meses

Frieze Sculpture 2018 anuncia artistas para mostra de três meses

Frieze Sculpture 2018 anuncia artistas para mostra de três meses

0

Pelo segundo ano, a exposição começa três meses antes da Frieze e exibe esculturas de artistas internacionais no Regent’s Park

A Frieze anunciou os artistas participantes do Sculpture Park deste ano. O evento, com início em julho, tem novamente curadoria de Clare Lilley, Diretora do Yorkshire Sculpture Park. No ano passado, o primeiro verão da Frieze Sculpture foi um sucesso retumbante, com mais de cinco milhões de visitantes desfrutando de excepcionais esculturas de artistas de todo o mundo.

A Frieze Sculpture permanecerá no The Regent’s Park por três meses, apresentando obras de 25 artistas contemporâneos e modernos. Isso criará uma atração cultural excepcional no coração da cidade, tanto para londrinos quanto para visitantes internacionais.

Com artistas de todos os continentes, a Frieze Sculpture reunirá obras de nomes como John Baldessari, Elmgreen e Dragset, Tracey Emin, Bharti Kher, Kimsooja, Sean Scully, Kiki Smith, Hugo Wilson e Richard Woods.

Clare Lilley disse: “Artistas de diferentes gerações e de todo o mundo – incluindo uma forte contribuição feminina – vão se unir e explorar vários conceitos, abrangendo idéias políticas e arquitetônicas, formas animais e experimentação de materiais.

As obras da Frieze Sculpture são selecionadas por Clare Lilley, após uma chamada aberta para apresentação de propostas de galerias internacionais. parte integrante da Frieze Art fair, a Frieze Sculpture começa bem antes, se estendendo pelo verão londrino, entre 4 de julho e 7 de outubro de 2018. As obras ocupam o The Regent’s Park, com entrada gratuita ao público.

Seer (Alice I), de Kiki Smith

Seer (Alice I), de Kiki Smith

Destaques da Frieze Sculpture

Entre as obras de maior destaque, estão “Stack”, feito em aço corten por Sean Scully (1945, Irlanda), renomado por suas pinturas e gravuras; PAN AFRICAN FLAGS, ícones afrofuturísticos de Larry Achiampong (1984, Reino Unido); “Stress”, enigmática escultura de concreto e bronze de Yoan Capote (1977, Cuba); as esculturas subversivas de lâmpadas de rua de Michele Mathison (1977, África do Sul), explorando o colapso e a decadência cívica; e o novo trabalho baseado em texto de Tim Etchells (1962, Reino Unido), Everything is Lost.

Enquanto isso, o mundo natural e animal é retratado de maneiras muito diferentes com esculturas de John Baldessari (1931, EUA), Elmgreen & Dragset (1961, Dinamarca e 1969, Noruega), um trabalho sedutor de Kathleen Ryan (1984, EUA), um rebanho lírico de Tracey Emin (1963, Reino Unido) e uma forma de folha colorida de Simon Periton (1964, Reino Unido).

Os principais novos trabalhos incluem, entre outros, obras de Rachel Feinstein, Hugo Wilson, James Capper, Bharti Kher e Virginia Overton.

Lista completa das esculturas em exibição:

"Stack", de Sean Scully

“Stack”, de Sean Scully

Larry Achiampong
PAN AFRICAN FLAGS FOR THE RELIC TRAVELLERS’ ALLIANCE (2018)
Copperfield

John Baldessari
Penguin (2018)
Marian Goodman Gallery

Rana Begum
No. 814 (2018)
The Third Line
Jhaveri Contemporary
Kate Macgarry

Yoan Capote
Stress (2004)
Ben Brown Fine Arts

 

James Capper
TREADPAD B – PAIR 2
WALKING SHIP 40 TON STANDARD DISPLACEMENT 4 LEG (DIA 1000) (2018)

TREADPAD B – PAIR 1
WALKING SHIP 150 TON STANDARD DISPLACEMENT 4 LEG (DIA 1800) (2018)
Hannah Barry Gallery

Elmgreen & Dragset
Si par une nuit d’hiver un voyageur (2017)
Galerie Perrotin

Tracey Emin
A Moment Without You (2017)
White Cube

Tim Etchells
Everything is Lost (2018)
VITRINE

Rachel Feinstein
Octavio, Corine, Mezzetino, Chinoisie (2018)
Gagosian Gallery

Barry Flanagan
Large Nijinski on Anvil Point (2001)
Waddington Custot

Laura Ford
Dancing Clog Girls I-III (2015)
New Art Centre

Dan Graham
London Rococo (2012)
Lisson Gallery

Haroon Gunn-Salie
Senzenina (2018)
Goodman Gallery

Kimsooja
A Needle Woman: Galaxy was a Memory, Earth is a Souvenir (2014)
Axel Vervoordt Gallery

Bharti Kher
Unit 1: Djinn Family (2018)
Hauser & Wirth

Michele Mathison
Parallax (2018)
Tyburn Gallery

Virgina Overton
Untitled (122 x 244 View) (2018)
White Cube

Simon Periton
Outdoor Miner (2018)
Sadie Coles HQ

Kathleen Ryan
il Volatile (2018)
Josh Lilley Gallery

Sean Scully
Shadow Stack (2018)
Blain|Southern

Conrad Shawcross
Optic Labyrinth (Arrangement I) (2018)
Victoria Miro

Kiki Smith
Seer (Alice I) (2005)
Timothy Taylor

Monika Sosnowska
Rebar 12 (2017)
Hauser & Wirth

Hugo Wilson
Pact (2017-18)
Parafin

Richard Woods
Holiday Home (Regent’s Park) (2018)
Alan Cristea Gallery

 Fonte : Touchofclass